sábado, 4 de maio de 2013

Donos da Verdade, a pior estirpe que a humanidade já produziu

Tive uma experiência muito triste hoje. Daquelas que minam nossa fé na humanidade, que sugam nossas forças, que de repente explicam como a humanidade chegou onde está.

Na tentativa de estabelecer um diálogo, percebi comportamentos que me fizeram refletir muito sobre mim, sobre minhas amizades, sobre o mundo que eu vivo.

Me vi em alguns destes comportamentos, em outros observei que senti nojo, em outros piedade, em outros apatia.

Conversei com uma pessoa da pior estirpe existente: deuses da verdade, donos absolutos da verdade sobre a vida, o universo e tudo mais.

Gente que fala por vinte minutos e quando você acha que ela terminou, quando você começa a falar, ela te cala, seja com demonstrações de desdém, ironia agressiva, ou mesmo falando por cima de sua voz.

Gente que não se dá ao trabalho de ouvir, que algum dia fez a decisão de nunca mais ouvir ninguém que discorde dela.

Gente que está sempre pronta para atacar. Gente que se defende sem que você esteja, sequer, armado.

Gente que está mais preocupada em alimentar seu ego do que em dividir a razão.

Gente que está mais preocupada com a fama do que com a colaboração.

Gente que me faz mal sem precisar me tocar.


Estou cansado. Por hoje, basta.